Aumento de Mamas

Não há dúvida alguma qual a enorme importância, que têm os seios, na estética corporal, são um claro símbolo de identidade feminina.
Por este motivo, as intervenções de mamoplastia, ou cirurgia das mamas, são cada vez mais frequentes.

SOLUÇÕES SATISFATÓRIAS
A falta de desenvolvimento mamária soluciona-se com a colocação de próteses mamárias.
A intervenção varia dependendo de onde e como se colocam as próteses. Estas podem ser colocadas por trás da glândula mamária, por de trás do músculo peitoral ou fáscia peitoral, dependendo de cada caso.
Por outro lado, a colocação dos implantes pode-se realizar através de vários pontos ou vias de entrada.
Se se coloca atras da aréola, fica uma cicatriz muito discreta e a incisão é feita mesmo na zona onde a pele muda de cor. Também se pode realizar desde a axila ou desde o sulco que se forma debaixo dos seios.
A opção mais adequada escolhe-se em função das características de cada caso e que tipo de próteses se deve implantar.
Os implantes solucionam o problema e não impedem o aleitamento.
Todas as intervenções de mamoplastia necessitam de anestesia geral e , entre um a dois dias de internamento.
Depois da cirurgia, é, recomendado que se evite por uns dias , movimentos bruscos que possam afetar a zona peitoral.
Os cuidados posteriores assim como as cicatrizes serão especificados detalhadamente pelo Dermatologista da equipa médica.

Tem dúvidas? Deixe-nos o seu contacto