Correção Olheiras

O que é?

Falta de sono: acredita-se que por prejudicar a microcirculação da região dos olhos e ocasionar palidez, a falta de sono pode contribuir para o agravamento das olheiras.

Genética: infelizmente, se é um problema que já faz parte da família, as olheiras poderão ser amenizadas, mas não eliminadas por completo – além, claro, de sempre exigir que você tenha um cuidado para evitar os fatores que as acentuam. Trabalhar o psicológico para se aceitar melhor também é importante, já que, embora cause desconforto e até haja maneiras de amenizar, a pessoa terá que conviver com essa característica.

Falta de hidratação: o ressecamento e a fragilização da pele da região ao redor dos olhos contribui e muito para o agravamento das olheiras.

Exposição ao sol: a exposição solar sem óculos escuros de qualidade e produtos com fator de proteção nas pálpebras podem acentuar a pigmentação ao redor dos olhos.

Perda de colágeno (proteína que dá sustentação e elasticidade à pele): à medida que a idade vai avançando ou por fatores que prejudiquem a produção de colágeno (má alimentação, cigarro, etc), a deficiência do mesmo tende a deixar a pele ao redor dos olhos mais fina e frágil, o que acentua as olheiras.

Cigarro e álcool: por prejudicar a produção de colágeno e a circulação, dentre outros malefícios, o álcool e principalmente o cigarro contribuem para o problema.

Friccionar ou fazer movimentos bruscos na região dos olhos: por ser uma área extremamente fina e sensível, fazer movimentos agressivos na região, seja ao retirar a maquiagem, aplicar cremes ou simplesmente coçar, pode romper vasinhos e causar acúmulo de hemoglobina na região, ocasionando olheiras.

Alergias, anemia, problemas respiratórios, carência de vitaminas: geralmente por prejudicar a circulação, por provocar coceira nos olhos ou dilatar os vasos sanguíneos na área, alergias e problemas respiratórios podem contribuir para as olheiras. Dentre outras consequências, a palidez ocasionada pela anemia e carência de vitaminas (principalmente a vitamina K, vitamina C e as do complexo B) podem acentuar as olheiras.

TPM, alterações hormonais: alterações hormonais podem desequilibrar a produção de melanina, escurecendo a região dos olhos. Na TPM, além dessa questão, alterações na circulação, estresse e retenção de líquidos podem piorar o problema.

Medicamentos: dentre outras implicações, medicações que causem dilatação dos vasos sanguíneos podem fazer com que a área sob os olhos escureça.

          

 

Tipos de Olheiras:

Olheiras constitucionais: são acastanhadas e aparecem quando o globo ocular fica alojado em um orifício profundo e coberto com uma pele muito fina, que permite transparecer a sombra da cavidade.

Olheiras melânicas: também são acastanhadas, mas causadas pelo acúmulo de melanina (proteína que confere pigmentação à pele, cabelos, etc). Geralmente ocorrem em pessoas de pele morena.

Olheiras sanguíneas: são arroxeadas e causadas pelo acúmulo de hemoglobina (proteína que, dentre outras funções, confere pigmentação ao sangue) ou produtos de sua degradação (bilirrubina, biliverdina e ferro).

Olheiras vasculares: são ligeiramente azuladas e causadas pelo excesso de retenção de fluidos, quando a microcirculação da região está prejudicada.

Conselhos úteis:

  • Massajar a cara com movimentos circulares na zona dos olhos

 

 

     

Tem dúvidas? Deixe-nos o seu contacto