Tem dúvidas? Deixe-nos o seu contacto

Alimentação Saudável: o importante

É certo que o verão está quase a acabar. Contudo, não há espaço para desleixo. É importante que continue a manter cuidado com a sua alimentação. É cada vez mais importante ter uma alimentação saudável.

O desgaste, bem como o estilo de vida cada vez mais exigente. A par de uma cada vez maior consciência alimentar. Fazem, assim, da alimentação saudável uma necessidade cada vez maior.

Uma alimentação saudável traz vários benefícios. Desde à boa disposição até diminuição de risco de certas doenças. Passando pela prevenção do envelhecimento precoce. Também é benéfica ao nível da qualidade de sono, regulação hormonal, etc.

Fundamental é estar consciente e incorporar hábitos saudáveis. A quantidade de informação, sensibilização e consciência é enorme. Mas nem por isso, se deve descuidar nos planos alimentares.

 

O importante que não deve esquecer!

 

Uma das regras essenciais de uma boa alimentação é beber muita água. É crucial manter elevados níveis de hidratação. Entre 1,5 litros a 2 litros por dia é o aconselhável. Em paralelo, poderá também consumir um elevado número de alimentos ricos em água.

Outra das regras essenciais da boa alimentação é a máxima restrição em matéria de sal e açucares. Contudo, os necessários pesos e medidas deverão ser tomadas.

Claro que ter uma alimentação saudável não é fácil. Assim, deverá recolher a opinião de um especialista. Que a poderá ajudar a estabelecer um plano alimentar. Este plano alimentar é sobretudo um guia indispensável a seguir. O aconselhamento poderá também ajudar na evolução do plano. Isto é, aconselhar em função dos pesos e circunstâncias desejadas. Nada pode ser deixado ao acaso.

 

Ainda nas nossas recomendações. Recomendamos sobretudo a um forte apoio nas frutas e verduras. As proteínas, carne ou peixe, devem também configurar parte da base. Apesar de ser importante que não sejam os elementos essenciais da mesma. Contudo, pode também conjugar com outros tipos de fontes proteínas como o queijo ou ovos. Assim as proteínas devem ter um peso de 25% na sua alimentação.

Será portanto importante que 75% seja dado às frutas, verduras: vegetais e legumes. A chamada dieta mediterrânica será um bom ponto de partida para uma alimentação saudável. Outra dimensão a não esquecer são os cereais. O pão ou outras não fontes de cereais não deve ser esquecido.

Quanto ao número de refeições. É de notar que deve ter em devida conta o seu metabolismo e ritmo. Contudo, são recomendadas cerca de 4 a 3 refeições por dia (no mínimo). De manhã, mais reforçado. Pela noite, refeição muito mais leve.

 

Não obstante, toda e qualquer alimentação saudável requer a sua dose de exercício físico. Esperemos que não se esqueça destes conselhos, se tiver dúvidas faça-nos uma visita.

 Não se esqueça de seguir o nosso trabalho através das redes sociais Facebook e Instagram, e explore o nosso blog para ficar a par de todas as novidades!

 

Comentar